Google Tag Manager

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Evento da ONU sobre Liberdade Religiosa em 2015

image






Membros da Igreja de Jesus Cristo marcam presença na  Global Compact +15,
evento da ONU em painel sobre Liberdade Religiosa
O brasileiro Ricardo Cerqueira Leite foi um dos palestrantes e contou com o apoio de representantes de Assuntos Públicos de Nova York
O Élder Robert D. Hales falou recentemente que “ao trilharmos o caminho da liberdade espiritual (...) devemos entender que a fiel utilização de nosso arbítrio depende de termos liberdade religiosa. (...)”. E esse tema tem motivado líderes e membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias a levantar essa bandeira.  Segundo uma pesquisa da Pew Research o Brasil está em primeiro lugar, entre os 25 países mais populosos do mundo, quando se fala em liberdade religiosa, mas se sabe que ainda há muito o que fazer sobre o assunto.  
Ricardo Cerqueira Leite, além de ser presidente de estaca é atualmente o representante no Brasil da ALRN – Associação da Liberdade Religiosa e Negócios e foi um dos palestrantes do painel A Força da Comunidade Corporativa para estabelecer um diálogo inter-religioso, ao lado dos senhores Yaya Junardy, da Indonésia e Brig Munawar Hayat Niasi, do Paquistão, durante o Global Compact +15, que aconteceu na sede das Nações Unidas, de 22 a 25 de junho de 2015, em Nova York.  O painel teve a mediação do  Dr. Brian Grim, um estudioso dos impactos da perseguição religiosa na economia e cultura de um país e, presidente da ALRN Global.
Mas, por que o diálogo inter-religioso fez parte da pauta do Global Compact +15, evento cujo objetivo é mostrar as medidas e parcerias realizadas pelo setor privado para avançar nas prioridades sociais e no desenvolvimento sustentável? “A eleição deste painel durante as conferências na ONU revela que o diálogo inter-religioso está inserido no contexto da sustentabilidade, nos seus três pilares – Social, Financeiro e do Meio Ambiente”, comenta Cerqueira Leite.  “O diálogo inter-religioso não só vai trazer tolerância entre os diferentes credos, como vai  multiplicar ainda mais o que muitas religiões já fazem para a  sociedade”.  O assunto tem ganhado muita consideração. No fechamento do dia Sir Mark Moody, chairman da Fundação Global Compact disse: “Agradecemos ao painel de Liberdade Religiosa, que discorreu sobre um ponto tão crítico e importante”.  
Estiveram presentes ainda o irmão Ryan Koch, diretor de Assuntos Públicos de Nova Iorque e os irmãos John e Bárbara Colton, do Latter-Day Saint Charities, além de outros membros. O irmão Wagner Damiani discorreu sobre as Universidades Brasileiras e a Sustentabilidade, no Prime, evento paralelo ao da ONU, mostrando que a cada dia, os membros da Igreja têm um forte  papel como agentes de mudanças na sociedade.

Fonte: Jô Ribes – Especialista Mídia Área Brasil
Crédito fotos: Ricardo Ribes

Nei Garcia – Assuntos Públicos Brasil


domingo, 29 de março de 2015

Planejamento Estrategico Pessoal e consciencia atenta um recado da Mirtzi

Planejamento Estratégico Pessoal

Mirtzi

Imagina eu ainda verdinha em idade, iniciando minha vida profissional, há 28 anos. 
Aí, na empresa que trabalhava à época, me entregaram um jogo de páginas que continha um Planejamento Estratégico Pessoal para que eu preenchesse e entregasse ao Setor de Departamento de PessoalDele eu teria que estabelecer as PRIORIZAÇÕES para os próximos 05, 10 e 15 anos da minha vida.
Isso fez toda a diferença na minha vida porque passei a traçar conscientemente o que eu desejava para o meu futuro, o que fazer de imediato para me preparar melhor para alcançar o que eu desejava, desenvolver a capacidade para ter umavisão antecipada da realização de sonhos/metas/objetivos e também de programar minha vida.
Claro que imprevistos acontecem, mas, um planejamento também comporta adaptações e ajustes sempre que necessário, pois, ele é flexível, mas, sem perder o FOCO.

Nunca imaginei (naquela época) o quanto seria DIFÍCIL colocar no papel as prioridades para realizar na minha vida afetiva, familiar, profissional, espiritual, etc.
Demorei a fazer o documento!!! Mas o fiz e o revia a cada 2 ou 3 anos. 

Há um filme (As férias da minha vida), que mesmo sendo um drama-comédia, traz o conceito do livro de possibilidades (onde se anotam e colam figuras alusivas aos desejos e sonhos a serem realizados), que termina se transformando no livro de realidades ("Pegue seus sonhos do Livro das Possibilidades e comece a colocar no papel os passos que você deverá fazer para alcançá-los e você, provavelmente, não precisará sair cometendo loucuras para realizá-los". Fonte da citação: http://fabricadeempreendedores.com/2008/03/03/filme-as-ferias-da-minha-vida/). 

E aqui fica a dica agora para fazermos isso:
Colocar todas as nossas necessidades por escrito e ir selecionando o que é prioritário para colocar na lista dos próximos 05, 10 e 15 anos.
A tarefa merece zelo, atenção, sinceridade consigo mesmo, e, principalmente, uma visão adequada de futuro além da determinação para fazer valer esse planejamento.
Que tal começar? Segue em anexo alguns modelos e explicações. Vale a pena!!! Mãos à obra!!!

Se nós não nos planejamos e nos programamos, programam a gente!!!

Mirtzi

Links que ajudam


"Um homem sábio encontra oportunidades na vida.
E saberá construir muitas outras."

(Francis Bacon)



Consciência Atenta
Consciência Atenta (texto de Mirtzi)


Logo cedo, me pus a pensar na cultura descartável que se instalou no mundo.
A influência ostensiva para o consumo, para a adoção de modelos superficiais e efêmeros tem produzido efeitos muito nocivos em nossa sociedade. As pessoas não olham mais nos olhos da outra, ao contrário, a atenção é voltada para a marca da roupa, do calçado, da bolsa, do carro.
Muitos não prestam atenção e nem valorizam a sua linha de conduta, mas, aos seus bens materiais, à beleza produzida artificialmente, a um corpo esculpido em academias e a dietas extravagantes.
O que se tem bem presente nos dias de hoje é o culto à forma em detrimento da essência, a deificação do corpo, separando-o da unicidade trina Corpo/Mente/Alma.
Essa tríade unificada representa a CONSCIÊNCIA ATENTA.
Ao contrário, a supervalorização da forma ao invés dos princípios que a pessoa deve desenvolver e nutrir, o foco no poder aquisitivo como medida de sucesso, o apelo às sensações e prazeres tomando o lugar dos sentimentos e da felicidade compartilhada.
Muitos preferem o prazer fugaz do momento, a satisfação de paixões, em lugar do trabalho interior que se deve empreender para alcançar a excelência da consciência, e isso está fazendo desmoronar a sociedade e seus princípios basilares.
Embora muitos ainda se identifiquem com certo credo religioso ou determinada filosofia de vida, ainda assim, milhares se deixam influenciar pela maciça e poderosa mídia que impõe a superficialidade, o consumismo, a cobiça, a luxúria, a satisfação de todo e qualquer desejo ou satisfação IMEDIATA, independente dos MEIOS empregados para adquiri-la. Vemos esse estereótipo em tudo, incluindo as novelas que a cada dia expõem motivos e incentivos os mais estapafúrdios, desde roubar e até matar para conseguir o que se deseja, como meios normais.
A sociedade tem permitido que essa falha danosa se espalhe como endemia e isso desfaz o verdadeiro propósito da existência.
Quando a preferência geral é por aquilo que se degrada e está separado da energia e da luz intrínseca à verdadeira essência da vida, a sociedade se encaminha para o caos.
Mas, qual a solução prática para dar um novo impulso e uma nova perspectiva à sociedade? A religião e a filosofia devem desempenhar papeis fundamentais para o resgate da verdadeira essência humana e dos valores que dignificam e engrandecem a existência. Elas precisam se adaptar para ter esse olhar quanto ao seu papel no re-ligare, na volta do ser humano à sua essência e aos valores que engrandecem uma sociedade e não aqueles que a desfazem e geram caos, desagregação, ódio e desunião.
Cabe-nos divinizar a matéria, ou seja, ressaltar e nutrir no nosso plano de existência os sentimentos nobres, as corretas relações interpessoais, a ética, a hombridade, a cooperação mútua, o voluntariado para projetos sociais, a valorização e a validação do outro, etc.
Ou aprendemos a nos amar e nos apoiar mutuamente ou a sociedade cairá num poço sem fim, quadro tenebroso que já visualizamos diariamente na vida prática.
Mas, esse resgate da dignidade humana precisa ser empreendido e alcançado com tenacidade, determinação e foco.
Mãos à obra, construtores e plantadores de idéias e ideais saudáveis.
Avante! É preciso e o tempo urge.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Lecado lanca salgadinhos na caixinha para quem vai curtir o carnaval 2015

Lecadô lança salgadinhos na caixinha para quem vai curtir o carnaval

Os famosos salgados do Lecadô ganharam uma versão especial para esse carnaval de 2015. Durante o mês de fevereiro, a rede de docerias terá em suas lojas coxinhas, quibes, rissoles e bolinhos de aipim no tamanho coquetel servidos em uma caixinha. Cada embalagem vem com 8 unidades de um tipo de salgado (R$ 9,90 cada caixinha). Para atender a demanda mantendo o sabor e a qualidade características do Lecadô, todos os dias serão produzidas fornadas especiais dos produtos.

Uma boa dica de petisco para quem vai curtir a folia nos blocos, nas ruas do Rio ou em programações carnavalesca com a garotada nos shoppings, praças e clubes da cidade. Quem vai ficar em casa vendo os desfiles e a programação pela TV também poderá experimentar os quitutes. O salgado no tamanho coquetel pode ser encomendado a partir de R$ 70 o cento (a doceria aceita encomendas a partir de 20 unidades).

CREDITO DA FOTO: Divulgação: W3 Comunicação / Foto: Rio Foto

SERVIÇO: www.lecado.com.br
Aceita: Cartão Máster, Dinheiro. Não aceita cheque nem tíquete.
Funcionamento: Lojas de Shoppings – de segunda a sábado, das 10h às 22h, domingo, das 12h às 21h.
Funcionamento: Lojas de Rua – de segunda a sexta, 8h30 às 19h. Sábado, das 8h30 às 18h.

Confira os endereços das lojas Lecadô:
Rio Sul: Tel: 2541-6690 / 2290-2638 – Rua Lauro Muller, 116 – loja C 46. Botafogo.
Botafogo: Tel: 2226-6988 - Rua Voluntários da Pátria 292 – lj.A - Botafogo
Barra Shopping: Tel: 2431-8182 - Av. das Américas, 4666 - loja 210 - Barra da Tijuca.
Centro Rua do Ouvidor: Tel: 2222-2100 e 2222-2134 - Rua do Ouvidor, 60/sobreloja: 203 - Centro
Centro Rua do Rosário: Tel: 2507-0646 - Rua do Rosário, 167 – lojas A e B – Centro. 
Méier: Tel: 2592-5651 e 3825-1989 - Rua Dias da Cruz, 111 – Meier
Norte Shopping: Tel: 3979-4676 - Av. Dom Helder Câmara, 5474 - loja 509 - Del Castilho.
Nova América: Tel: 2303-3180 - Av. Pastor Martin Luther King, 126 - Praça de Alimentação, 2º piso.
Carioca Shopping: Tel: 3688-2580 - Av. Vicente de Carvalho, 909 - Vicente de Carvalho.
Guadalupe Shopping: Tel: 3178-8686 – Estrada do Camboatá, 2300 – Guadalupe.
Shopping Tijuca: Tel: 2204-2120 - Av. Maracanã, 987 – Tijuca.
Shopping 45: Tel: 2587-2126 - Praça Saens Peña, 45 loja 114 – Tijuca.
Rua Santo Afonso: Tel: 3234-4488- Rua Santo Afonso 320 – Tijuca.
Bangu Shopping: Tel: 3336-8419 - Rua Fonseca, 240 – Bangu - RJ Praça de Alimentação.
Parque Sulacap: Tel: 2391-0636 - Av. Marechal Fontenele, 3.545 . Jardim Sulacap – Sulacap.
West Shopping: Tel: 3313-4589 - Estrada do Mendanha, 555 – loja 155B - Campo Grande.
Park Shopping Campo Grande – Tel: 2414-7078 - Estrada do Monteiro, 1.200 – Campo Grande.
Shopping Grande Rio: Tel: 2651-1108 - Rodovia Pres. Dutra, 4200 - São João de Meriti – RJ
Plaza Shopping Niterói - Tel: 2729-1844 - Rua XV de Novembro, 8 loja 237 – Centro, Niterói – RJ.
Boulevard São Gonçalo – Tel: (21) 3611-7766. Av. Presidente Kennedy – 425, loja 417 – São Gonçalo.

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

21 de janeiro Dia Nacional de Combate a Intolerancia Religiosa

Banner Sala de Imprensa
Brasil - Diversos eventos celebram o Dia Internacional do Combate à Intolerância Religiosa


A Lei nº 11.635/2007 determina o dia 21 de janeiro como o Dia Nacional do Combate à Intolerância Religiosa.

 Uma homenagem à Iyalorixá Gildásia dos Santos e Santos (Mãe Gilda), que faleceu neste mesmo dia, no ano 2000, vítima de infarto. 

Gildásia era hipertensa e teve um ataque cardíaco após ver sua imagem utilizada sem autorização, em uma matéria de um jornal, com o título “Macumbeiros Charlatães lesam o bolso e a vida dos clientes”. 

A matéria agredia as religiões de matriz africana. 

O jornal foi condenado na justiça à indenizar os filhos da Mãe Gilda. 
Infelizmente este não é um caso isolado.

A Constituição Federal Brasileira estipula em seu artigo 5º, inciso VI que “é inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e a suas liturgias”. 

No entanto, as notícias de casos de intolerância, discriminação e perseguição religiosa tem aumentado em todo o país. A Declaração Universal dos Direitos Humanos, em seu artigo 18º, diz que “Todo o homem tem direito à liberdade de pensamento, consciência e religião; este direito inclui a liberdade de mudar de religião ou crença e a liberdade de manifestar essa religião ou crença, pelo ensino, pela prática, pelo culto e pela observância, isolada ou coletivamente, em público ou em particular”.

No sentido de ampliar o conhecimento da população de modo geral, diversos eventos Inter-Religiosos acontecerem nos quatro cantos do Brasil no dia 21 de janeiro de 2015. 

Em diversos deles, num esforço de estreitar relacionamentos – membros e líderes de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias estiverem presentes. Por exemplo em São Paulo, Porto Alegre, Mossoró, Peruíbe, Brasília entre outros.

A participação da Igreja de Jesus Cristo em eventos dessa natureza retrata a importância que tem sido dada ao Tema – “Promover e Defender a Liberdade Religiosa”. 

Não são encontros de ecumenismo, mas sim, em defesa de Direitos adquiridos. 

Em Peruíbe, por exemplo, representantes da Igreja discursaram na Câmara Municipal num evento com mais de 17 religiões. Amizades foram estabelecidas e a imagem da Igreja fortalecida.

Na última Conferência Geral, em seu discurso Amar os outros e viver com as diferenças, o Élder Dallin H. Oaks, membro do Quórum dos Doze Apóstolos, ensinou: “Os seguidores de Cristo devem ser exemplos de civilidade. Devemos amar todas as pessoas, ser bons ouvintes e mostrar respeito por suas crenças genuínas. Embora discordemos, não devemos ser desagradáveis. Nossa posição e comunicação em assuntos controversos não devem ser contenciosas. 

Para saber mais, clique em Mais informações, abaixo.

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

O obolo da viuva O dar de si antes de pensar em si Os Fariseus e a verdadeira caridade

O Óbolo da Viúva

"
– E estando Jesus assentado defronte donde era o gazofilácio, observava ele de que modo deitava o povo ali o dinheiro; e muitos, que eram ricos, deitavam com mão larga. 
"
E tendo chegado uma pobre viúva, lançou duas pequenas moedas, que importavam um real. 
"
E convocando seus discípulos, lhes disse: Na verdade vos digo, que mais deitou esta pobre viúva do que todos os outros que deitaram no gazofilácio. 
"
Porque todos os outros deitaram do que tinham na sua abundância; porém esta deitou da sua mesma indulgência tudo o que tinha, e tudo o que lhe restava para seu sustento. (Marcos, XII: 41-44 – Lucas, XXI: 1-4)."

– Muita gente lamenta não poder fazer todo o bem que desejaria, por falta de recursos, e se querem a fortuna, dizem, é para bem aplicá-la. 

A intenção é louvável, sem dúvida, e pode ser muito sincera de parte de alguns; mas o seria de parte de todos, assim completamente desinteressados? 

Não haverá os que, inteiramente empenhados em beneficiar os outros, se sentirão bem de começar por si mesmos, concedendo-se mais algumas satisfações, um pouco mais do supérfluo que ora não têm, para dar aos pobres apenas, o resto? 

Este pensamento oculto, talvez dissimulado, mas que encontrariam no fundo do coração, se o sondassem, anula o mérito da intenção, pois a verdadeira caridade faz antes pensar nos outros que em si mesmo.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

SUDs participam de feira cultural em Cuiaba em 2014

Banner Sala de Imprensa








Cuiabá- Missionários da 
Igreja de Jesus Cristo participam de Feira Cultural "Religiões" na cidade


A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, cujo os membros são apelidados popularmente como mórmons, participou da Feira Cultural com o tema "Religiões", que foi organizado pelo Colégio Isaac Newton (CIN) de Cuiabá. O evento foi realizado no estacionamento do Shopping Pantanal em novembro de 2014 e atraiu milhares de pessoas que passaram pelo local.

A feira cultural "Religiões" teve como objetivo ampliar o conhecimento e diminuir a intolerância e o preconceito religioso, mostrando assim a importância da religião na sociedade e no individuo. Além da Igreja de Jesus Cristo cerca de outras 30 religiões participaram do evento.

Missionários da Missão Brasil Cuiabá montaram um estande no local  e ensinaram um grupo de 26 estudantes do ensino médio, para que os mesmos, pudessem conhecer as crenças da Igreja. Muitas pessoas visitaram o estande e os missionários puderam entregar materiais e compartilhar a mensagem do evangelho. Muitas pessoas visitaram o estande da Igreja.


Texto: Daniel Patelli - Assuntos Públicos Região Cuiabá
Fotos: Dannis Daves - Missionário de Serviço da Missão Brasil Cuiabá




Nei Garcia – Assuntos Públicos Brasil
Visualizar o anexo 1540320_10205494948759574_164698567157289787_o.jpg
Visualizar o anexo 10293815_10205494712313663_2656562349442714135_o.jpg
Visualizar o anexo 10380082_10205494950719623_4289140691519824382_o.jpg
Visualizar o anexo 10485953_10205494718833826_5271404627831292946_o.jpg
Visualizar o anexo 10518315_10205494948959579_2720891687613804031_o.jpg
Visualizar o anexo 10548104_10205494726834026_3011050261124144051_o.jpg
Visualizar o anexo 10557075_10205494718033806_6072308228049114260_o.jpg
Visualizar o anexo 10562492_10205494711913653_5186644522959815627_o.jpg
Visualizar o anexo 10571990_10205494709873602_4823033388709164046_o.jpg
Visualizar o anexo 10679717_10205494706793525_8288494988422016639_o.jpg
Visualizar o anexo 10694237_10205494948839576_1266864941041446443_o.jpg
Visualizar o anexo 10697263_10205494944799475_1473367325074159755_o.jpg
Visualizar o anexo 10712469_10205494731194135_8865895553716510914_o.jpg
Visualizar o anexo 10749963_10205494943399440_6724195646105974521_o.jpg